02/07/2019 - 16:36 - Atualizado em 02/07/2019 - 19:12

Cuidado com as doenças respiratórias no inverno

Confira algumas dicas para evitá-las


Além da redução da temperatura, algumas doenças ficam mais comuns no inverno, principalmente as respiratórias. Geralmente, crianças, gestantes e idosos são os que mais sofrem com as doenças de inverno devido ao sistema imunológico mais sensível.

A lista de doenças respiratórias mais comuns neste período, tanto para crianças quanto para adultos, inclui resfriados, gripes, amigdalites, otites, sinusites, pneumonia e doenças alérgicas - asma e rinites, por exemplo.

Dicas

Observe sinais específicos de infecção respiratória como tosse, expectoração, falta de ar, chiados e dor no peito. Já os sinais sistêmicos, ou seja, que afetam o corpo todo, são febre, calafrios, sudorese, dor muscular, dor de cabeça, sonolência e mau humor. Procure um médico caso apresente sinais sistêmicos como falta de ar. Em geral, vá até uma assistência médica em caso de persistência por mais de 48h dos sintomas específicos.

É importante lembrar de tirar agasalhos e cobertores dos armários antes do uso e lavá-los, pois, se não forem lavados, podem desencadear doenças alérgicas pelo contato com poeira e ácaros.

Já no caso das doenças alérgicas é possível evitá-las ao consultar periodicamente um médico. Para evitar infecções, lave as mãos, mantenha uma boa alimentação e beba água e sucos naturais de frutas.

Foto: Stock Photos
Fonte: Blog da Saúde



Tags