09/09/2019 - 11:59 - Atualizado em 10/09/2019 - 12:24

Recebeu mensagem sobre saúde? Não compartilhe antes de checar

Com o serviço WhatsApp Saúde Sem Fake News do Ministério da Saúde qualquer pessoa pode verificar se a informação é verdadeira ou falsa



Estamos na era da tecnologia, das informações e da busca rápida. Talvez isso devesse ser algo completamente positivo, não é mesmo? O mundo digital realmente tornou o nosso dia-a-dia muito mais fácil. Mas, ao mesmo tempo, também abriu a porta para a manipulação de documentos, imagens e dados.

Aí é que mora o perigo! Principalmente se as notícias envolvem a saúde! Porque o impacto não é só na pessoa que recebe e passa a informação, mas sim em toda a população.

Mas como identificar quando uma notícia é falsa? Não é uma tarefa fácil e não é à toa que a maior parte das notícias falsas não cita a fonte, o que dificulta a pesquisa. Além disso, algumas pessoas realmente ficam convencidas que aquilo é verdade ou até acham mais fácil acreditar do que pesquisar.

WhatsApp Saúde Sem Fake News

Para lutar com tantos ambientes favoráveis à disseminação de Fake News, que em bom português significa notícias falsas, o Ministério da Saúde criou, no ano passado, o canal de WhatsApp Saúde Sem Fake News.

Pelo telefone (61) 99289-4640, a população pode enviar gratuitamente mensagens com imagens ou textos que tenha recebido nas redes sociais para confirmar se a informação procede, antes de continuar compartilhando.

Antes de sair por aí espalhando as notícias que recebe, é preciso checar se elas são verdadeiras! E, para comemorar um ano do Canal, o Blog da Saúde selecionou as 10 principais Fake News sobre saúde ao longo desse ano.

Clique aqui para conferir.


Fonte: Ministério da Saúde/ Blog da Saúde
Imagem:Ministério da Saúde/ Blog da Saúde