23/02/2017 - 14:26 - Atualizado em 27/09/2018 - 11:52

Inaugurada segunda unidade de Cinesioterapia da Postal Saúde

Programa oferecido aos empregados dos Correios de São Paulo melhora condicionamento físico, postura, força, autoestima e evita lesões no trabalho

A Unidade de Representação Regional da área metropolitana de São Paulo (SPM) inaugurou nessa segunda-feira (21) seu centro de Cinesioterapia Laboral (PCL), no Complexo Vila Maria. Trata-se da segunda central de estímulos em exercícios físicos, uma espécie de academia bem equipada destinada ao bem-estar e manutenção da saúde dos empregados dos Correios. O primeiro, inaugurado no dia 19/01, fica em Salvador, e até abril, estão previstas a inauguração de mais dois centros, um em Campinas, interior de São Paulo, e outro em Benfica, no Rio de Janeiro.

O objetivo do PCL é incentivar práticas preventivas de doenças, de condicionamento para o trabalho e tratamento de lesões do sistema osteomuscular. Fruto de uma parceira dos Correios com a Postal Saúde, a cinesioterapia laboral busca desenvolver nos participantes os conceitos de autocuidado, preservação da saúde e consciência corporal, promovendo maior qualidade de vida e adoção de hábitos saudáveis, inclusive no trabalho.

Parceria PostalSaúde e Correios na inauguração do Centro de Cinesioterapia


“A cinesioterapia consiste na cura por meio do movimento, é uma técnica de tratamento que se baseia nos conhecimentos de anatomia, fisiologia e biomecânica, proporcionando às pessoas um melhor e mais eficaz trabalho de prevenção, cura e reabilitação, pois engloba recursos e técnicas variadas”, resumiu Simotea Hoffmeister, mentora e coordenadora do projeto, da GERT/DESMT. O programa ajuda a manter a autoestima, o controle do estresse e da ansiedade; melhora a função cardiovascular e respiratória; desenvolve e restaura a força, a massa muscular, a massa óssea, a mobilidade e flexibilidade, o relaxamento e a coordenação motora, a resistência à fadiga, a amplitude de movimentos e a reeducação postural; reduz os índices de absenteísmo, acidente do trabalho, doença ocupacional e reabilitação profissional e oferecer condicionamento físico aos empregados.

O presidente dos Correios, Guilherme Campos, enfatizou que o trabalho dos carteiros, em especial o esforço repetitivo da triagem de cartas e suspensão de objetos, exigem muito do empregado. “Estamos cuidando da saúde física e mental do nosso quadro, prevenindo e tratando lesões. Esta é uma forma de compensá-los pelo desgaste inerente à atividade, aumentando seu bem-estar, satisfação e expectativa de tempo de serviço. Os PCLs estão bem equipados, e pretendemos manter o padrão em todas as Unidades”. Guilherme também brindou a parceria com dos Correios com a Postal Saúde na ação: “Não poderia deixar de agradecer ao Ariovaldo e ao Celso, por se aproximarem com imenso apoio na realização do projeto, fundamental para continuarmos em um caminho assertivo”, encerrou.

O diretor de Relacionamento com o Beneficiário da Postal Saúde, Júlio César de Oliveira, acompanha de perto a montagem das estações e considera a ação “fundamental para esse momento em que trazemos os primeiros resultados da nova gestão da Postal Saúde, aonde um empregado de carreira que assume, entende o sentimento dos colegas, promovendo economias e ajustes com o claro objetivo de preservar a saúde dos empregados”.

Aurora Gonçalves da Silva Araújo, chefe do Departamento de Engenharia, Segurança e Medicina do Trabalho (DESMT), foi enfática na necessidade de mudança cultural sobre eficiência no trabalho que o projeto traz. Participou também da inauguração o diretor regional de URR-SPM, Eugênio Valentim da Silva.

Júlio César fala do apoio da Postal Saúde no projeto. Presidente dos Correios à esquerda.


O Programa de Cinesioterapia Laboral está disponível para todos os empregados dos Correios lotados na unidade de implantação e, para participar, o empregado precisará passar por uma avaliação médica que deve ser agendada com o auxílio do responsável pelo PCL (dos Correios) em cada unidade. Médicos, enfermeiros, fisioterapeutas e educadores físicos serão os profissionais que ministrarão as aulas, podendo ser dos Correios ou prestador contratado pela Postal Saúde, a depender da unidade.


Saiba mais entrando em contato com a sua URR. Participe!

Contato da URR-BA – (71) 3480 8650

Contato da URR-SPM – (11) 4313 7156

Quer encontrar sua URR? Basta acessar http://www.postalsaude.com.br/encontre-sua-regiona...