página principal > Dicas da Postal Saúde

Você tem dúvidas sobre vacinação contra a influenza e a covid-19?

Confira as informações da Sociedade Brasileira de Imunizações

2 de junho de 2022 - Atualizado em 2 de junho de 2022

Muitas dúvidas surgem quando o assunto é vacinação contra a influenza e a covid-19. Existe um intervalo de tempo para tomar as duas vacinas? Confira as perguntas e respostas da Sociedade Brasileira de Imunizações, em sua Nota Técnica 01/04/2022:

A nova realidade da pandemia covid-19 impacta na recomendação da vacina Influenza para o hemisfério sul em 2022?

Após o aumento da cobertura vacinal com a vacina covid-19, houve uma flexibilização importante das medidas de restrição não farmacológicas em todo o país e a consequente retomada de interações sociais. Isso reforça ainda mais a necessidade de obtermos uma ótima adesão à campanha de vacinação contra a gripe.

Em novembro de 2021, ocorreu um surto de Influenza no país, observado em especial em grandes capitais, ocasionado pelo vírus Influenza sazonal A Darwin (H3N2).

 

A vacina Influenza previne a covid-19?

As duas vacinas citadas previnem as doenças ocasionadas pelos vírus contra o qual foram desenvolvidas. Até o momento, não existe qualquer evidência científica que possa inferir que alguma vacina para outras doenças possa prevenir a covid-19. Apesar de um estudo de coorte retrospectivo baseado eletrônicos ter encontrado uma redução significativa de pacientes com teste positivo para covid-19 entre os vacinados contra Influenza, quando comparados aos não vacinados, ainda há muitos fatores envolvidos no achado que deverão ser melhor investigados em outras análises.

 

As vacinas Influenza e covid-19 podem ser realizadas no mesmo dia?

As vacinas covid-19 poderão ser administradas de maneira simultânea ou com qualquer intervalo em relação às demais vacinas do Calendário Nacional de Vacinação na população a partir de 12 anos de idade. No entanto, é importante que seja priorizada a administração da vacina covid-19 para as crianças de 5 a 11 anos de idade contempladas nos grupos prioritários para a Influenza. Nestas situações, deve-se agendar a vacina Influenza, respeitando o intervalo mínimo de 15 dias entre as vacinas.

 

Quanto tempo após ter tido covid-19 poderá ser aplicada a vacina Influenza?

Não há evidências, até o momento, de qualquer preocupação de segurança na vacinação de indivíduos com história anterior de infecção ou com anticorpo detectável pelo SARS-CoV-2. É improvável que a vacinação de indivíduos infectados (em período de incubação) ou assintomáticos tenha um efeito prejudicial sobre a doença.

Entretanto, para evitar a confusão com outros diagnósticos diferenciais, recomenda-se adiar a vacinação contra a Influenza em pessoas com quadro sugestivo de infecção por covid-19 em atividade. Como a piora clínica pode ocorrer até 10 dias após a infecção, a vacinação deve ser postergada idealmente até a recuperação total ou a partir de 10 dias após a primeira amostra de PCR positiva, em assintomáticos.

 

Leia a íntegra da Nota Técnica 01/04/202 da SBim

Participe da Campanha Nacional de Vacinação contra a Gripe da Postal Saúde!

 


Fonte:

Sociedade Brasileira de Imunizações
Site: www.sbim.org.br